EDUCAÇÃO PONTUADA

DIA DO CIRCO

Posted in Uncategorized by silvia maria do nascimento on 26/02/2012

Objetivo: Perceber no dia a dia a importância do circo e seu espetáculo relacionando à sua vida diária.

Público alvo: faixa etária de 3 a 6anos.

Conteúdo:

  • Origens:

Falar sobre os primitivos circos de roma, imitando os hipódromos gregos,  onde havia um desfile de generais vencedores. Com a queda do Império Romano, os circos foram abandonados e destruídos. Séculos depois apareceram feiras e barracas de atrações exóticas,ilusionismo e malabarismo. Durante o Séc.XVIII os saltimbancos percorrem a Europa e com eles, os espetáculos com cavalos retomando os combates simulandos a cavalo, caças, provas de equitações etc. Circo Moderno: aparece em 1770 com o Inglês Philop Astley. Ele organiza um espetáculo eqüestre e decide enriquecer a apresentação intercalando aos números a exibição de saltimbancos, funãmbulos, saltadores e palhaços.Escolhe uma pista redonda para manter-se em pé em cima do cavalo e diante disso surge o picadeiro. Além disso ele coloca outros elementos até hoje preservados nos circos de hoje, a disciplina militar,uniformes e rufar de tambores. Os saltimbancos enriquecem seus números com cavalos usando como plataforma de suas acrobacias, o palhaço começa a fazer paródias, e desastradas tentativas de montar no cavalo. Assim, aparecem hábeis cavaleiros como os primeiros palhaços a cavalo. Em 1772 o espetáculo é levado para a França, e em 1783 em Paris, ficando algum tempo sob a direção de seu filho John Astley,  a partir de 1788 sob a direção de Antonio Fraconi que em 1808 inaugura outro circo na rua Saint- Honoré introduzindo as pantomimas. Na Europa aparece em 1780 na Áustria,na Alemanha e outros países. Nos Estados Unidos aparecem os primeiros circos  em 1830.

Em 1826 é apresentado um espetáculo com vários cavalos e em 1900 uma atração nova: em um só cavalo, uma coluna de três homens equilibrados.

Em 1888 foi introduzida uma jaula de ferro armada no centro do picadeiro dando dinamismo ao número de animais como leões, tigres, elefantes, saltando uns sobre outros,atravessando círculos de fogo ou mesmo sentando-se comportados em pequenos tamboretes. Com o sucesso, visitas às jaulas antes do espectáculos foram introduzidas em 1870.

Entre os artístas que aparecem no picadeiros, surgem os contorcionistas, engolidores de fogo, faquires, mágicos, ilusinostas ( o mais célebre e um dos principais foi Robert Houdin), acrobatas de solo ou de barras de ferro, equilibristas de cordas que executam passos de dança ou saltos mortais e “Motociclistas no globo  da Morte” desafiando o perigo em um globo fechado de ferro.

Em 1859 surge o Trapézio .Os palhaços são atrações fundamentais na história do circo com representações de teatro, pequenas cenas,cenas longas, melodramas, comédias ou textos sem maior valor literário.Para muitos  a alma do circo e símbolo do circo é o Palhaço de cores vivas e atos engraçados, muitas vezes possui também as qualidades de ginasta ou acrobata demonstrando agilidade física para seus números cômicos.

No Brasil, os primeiros circos aparecem noa segunda metade do século XVIII. Em 1928 realizou-se um espetáculo de danças sobre cavalo a golope. A partir do século XIX o Brasil foi visitado por diversas companhias estrangeiras, como Circo Olímpico, que influenciaram os demais circos nacionais.Muitos artistas estrangeiros ficaram no Brasil formando outras familias circences importantes. Entre os brasileiros mais importantes podemos resaltar o Palhaço Piolim ou Abelardo Pinto. Outros como Manuel Peri,Galdino Pinto,Narciso de Abreu,Sérvulo Rocha, Nestor de Freitas, Juvenal Pimenta.

Em algumas cidades como Santos  já existe lei com a proibição de exibição de animais no circo como forma de atração .

Ações:

  • Música:

O circo – Sidney Miller

”Vai vai vai  começar a brincadeira./Tem charanga tocando a noite inteira/Vem, vem , vem ver o circo de verdade: tem, tem, tem picadeiro e qualidade.Corre, Corre minha gente, que é preciso ser esperto./ Quem quiser que vá na frente: vê melhor quem vê de perto.Mas no meio da folia, noite alta, céu aberto, Sopra o vento que protesta, cai o teto, rompe a lona/pra que a lua de carona/ também possa ver a festa. “

Lá no circo tem… (popular infantil)

Lá no circo tem, leão e trapezistas, palhaços engraçados mas o interessante é a  orelha do elefante, orelha bonita orelha elegante, orelha bonita é a do ELEFANTE !  ( essa última palavra elefante, gritado pelas crianças) fazer o gestos da orelha do elefante ao falar dela e assim por diante em outras partes do corpo que em seguida descreveremos)

Lá no circo tem, leão e trapezistas, palhaços engraçados mas o interessante é a pata do elefante, que pata bonita, que pata elegante, que pata bonita é a do ELEFANTE!

Lá no circo tem, leão e trapezistas, palhaços engraçados mas o interessante é a  tromba do elefante , que tromba bonita, que tromba elegante, que tromba bonita é a do ELEFANTE!( fazer gestos de tromba de elefante).

Lá no circo tem, leão e trapezistas, palhaços engraçados mas o interessante é a Barriga do elefante, barriga bonita, barriga elegante, barriga bonita é a do ELEFANTE! ( Fazer gestos com a barriga).

Lá no circo tem, leão e trapezistas, palhaços engraçados mas o interessante é o rabo do elefante, que rabo bonito, que rabo elegante, que rabo bonito é o do ELEFANTE! ( fazer movimentos do rabo do elefante)

  •  Textos e Histórias Contadas  :Conte histórias, improvise com gestos engraçados, saltos rápidos para chamar atenção sobre a história contada.Realize histórias na lousa criadas pela crianças como forma de construção da escrita ou mesmo em papel pardo.
  •  Listagem : na lousa liste de acordo com o que as crianças informarem, palavras do que é encontrado no circo.Na listagem aproveite para numerar assim, é mais uma forma de demonstrar a importância dos numerais e da matemática.
  • Confecção de convites e entradas para o show ou apresentação.
  • Recortes e colagens: Recortes de figuras e personagens para colagens de enfeites ou mesmo para nomeação dos personagens como forma de construção da escrita.

Além disso, é possivel colar, copos de festa em pratos para realizar o objeto do malabarista, ou mesmo pilhas coladas para o mesmo.

  • Maquetes: Criar personagens e maquetes com papel cartão ou papelão. Aproveitar papel crepom para a tenda, assim como palito de churrasco para o mastro do circo.Poderá ser colocado os personagens recortados e pintados pelas crianças.
  • Fantoches: criados em tubos de papel higiênico,ou mesmo com papel cartão, cartolina, E.V.A ou mesmo sulfite pintado com giz de cera, lápis ou tinta plástica.
  • Informática: Imprimir e Pintar ; Jogo: O Palhaço Malabarista
  • Montar o Palco ou Teatro para as apresentações: colocar bolas: azuis,brancas, verdes, vermelhas, pretas,amarelas.Jogar faixas coloridas que cruzem o palco em argolas ou em faixas.Forre o fundo com faixas de crepom coloridos para chamar atenção e dar um ar “circence”
  • Escolha de Personagens para elaboração do espetáculo:cada aluno escolherá diante do que foi listado em lousa seus personagens a serem apresentados no espetáculo definindo o que cada um irá fazer.
  • Pintura: As crianças poderão fazer pinturas sobre o tema em folhas grandes de papel branco ou pardo. Poderão usar tintas próprias para maquiagem e realizarem nos colegas como forma de caracterização.
  • Desenho: Fazer uma moldura e propor que cada um faça o desenho do amigo como um personagem de circo.Escrever o nome do amigo abaixo do desenho e o personagem escolhido por ele: ANDRÉ:MALABARISTA.
  • Culinária: Fazer brigadeiros com bolachas de maizena,nescau e leite condensado em formas de balas e embrulhados para serem distribuidos na hora do show pela “Menina Baleira” .
  • Lembrancinhas: Poderá ser confeccionado palhacinhos de cartolina e no verso colar pequeno saquinho onde poderá ser preenchido com balas, doces ou pipocas para o espetáculo.
  • Apresentações e Personagens:
  1.  Mestre de Cerimônias: apresentador de todos os personagens. Anunciará o grupo na entrada em desfile . Música:O Circo (Eliana) ou Xuxa “O circo”.
  2. O Malabarista: colocar diversos objetos sobre um prato( podem estar colados) e a criança fingirá que equilibrará.
  3. Grupo de Músicos: Crianças interessadas em tocar seja triãngulo, pandeiro,tambor, flauta, chocalho, cantando músicas infantis do repertório de sala de aula.
  4. Grupo de Bailarinas: meninas interessadas em dançar.Apresentar músicas clássicas para balé. É importante que a criança conheça diversos tipos de ritmos seja clássico ou popular.
  5. Menina Baleira: a criança escolhida será apresentada pelo Mestre de Cerimônias como a menina que passará por todos vendendos os doces. Interessados “comprarão” com o dinheiro fantasia já entregue pela professora anteriormente e pré combinado.
  6. Grupo de Palhaços: Crianças divertidas que farão piruetas, saltos,cenas engraçadas de desequilibrio,inclinações etc para que todos riam.Música: O Circo da Alegria ( Atchim e Espirro).
  7. Mágico: O aluno escolhido fará truque de esconder bichos na cartola (bichos em e.v.a ou papel cartão), poderá mostrar truques fáceis de baralho.
  8. Grupo de Dança: Música: A dança dos Bichos ( Eliana): o grupo de dança deverá ser envolvente, para que o público participe e dance também interagindo a cada ordem dada pela música.Os membros do grupo poderão estar fantasiados como elefante, gato, macaco, canguru, passarinho etc.
  9. Trapezista: o grupo escolhido passará por cima de cordas e riscos feitos no chão.Poderá passar por cima de bancos saltando de um lado ao outro demonstrando equilibrio e destreza.
  10. Despedida: Todos os integrantes farão o desfile de despedida acenando ao público. Nesse momento, alguns balões poderão ser estourados para dar a enfâse da festa.

Materiais a serem utilizados:Crepom, cartolina,papel cartão, e.v.a, palitos de sorvete ou churrascos, sacos de pipoca ou plástico transparente,tintas plástica, a dedo, maquiagem,cola, tesoura, etc.

Avaliação: Observações diárias através de atividades realizadas.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: